Cleonices

coisas da cleo

Arquivo da tag: Dica

Se você faz parte do time de pessoas que acha que o dia precisava ter mais de 24 horas para que você conseguisse realizar todas as suas tarefas, há duas situações com as quais provavelmente você deve se identificar: ou precisa deixar de ser centralizadora e delegar mais ou está faltando organização na sua rotina.

No primeiro caso, a dica é exercitar mais a arte de confiar nas pessoas que te cercam funções que elas podem executar. Isso funciona no trabalho e dentro de casa: dividir tarefas é a forma mais assertiva de não sobrecarregar ninguém.

Já se tratando da segunda hipótese, a orientação é criar um cronograma que organize todos os afazeres e o prazo para que eles sejam concluídos. Além de não precisar forçar a memória com uma lista de coisas, o ato de passar tudo para o papel (ou computador, ou ainda o celular), permite que a administração dos prazos seja realizada da melhor maneira.

Agenda

Alguns toques são úteis para ajudar nessa empreitada:

- Criar um cronograma de tarefas: quando você tem um roteiro de coisas para fazer, o tempo que se perde refletindo sobre as prioridades é menor.

- Estipular metas: pensar, no começo do dia, quais são as coisas que você gostaria de ver executadas ao final dele é muito importante para definir o tempo a ser gasto com cada uma delas.

- Ter horários: quem não trabalha em um sistema convencional precisa criar uma rotina para não se distrair dos afazeres. Ter hora certa para acordar, iniciar as atividades e, claro, parar de fazê-las é fundamental.

- Planejar: esquematizar é quase tão importante quanto fazer. Ações pré-definidas são melhor executadas.

- Hora do ócio: dezenas de estudos e pesquisas mostram que as pessoas não conseguem ficar muito tempo focadas em algo sem distração. Para isso, lhe permita momentos de “recreio”.  Seja para uma checada nas redes sociais, um café ou uma conversa rápida com os amigos (filhos, marido, namorado) no WhatsApp. Esses momentos devem ser incluídos oficialmente na rotina, para que não sejam canais de dispersão das obrigações.

Tênis, alpargatas, sapatilhas, botas, slippers, mocassins…  São incontáveis as opções de calçados para aquelas que gostam de produções passando longe dos saltos. Mas nem por isso, ao contrário do que se pensou por muito tempo, as composições ficam menos charmosas quando são no estilo “pés no chão”. Até mesmo nos tapetes vermelhos já é possível ver algumas celebridades fazendo essa aposta.

De fato não faz muito sentido dizer que saltos altos são sinônimos de elegância e as opções rasteiras são sempre despojadas.  Prova disso é consideraras duas grandes febres que estão marcando presença nos pés das fashionistas e as famosas atualmente:os tênis e os loafers (aquele sapato de bico afinado, muito inspirado nos masculinos). Eles estão dominando o streetstyle, onde, inclusive, os calçados acima de 5 cm estão cada vez mais ausentes.

Veja algumas inspirações para desmitificar de vez a relação salto X elegância: 

semsalto

Dizem os manuais de conduta que a regra é clara: decotes, pernas de fora e transparência não combinam com o mercado de trabalho. Mas será que nas corporações o dresscode tem que se resumir apenas a calças, saias midi, golas e zero transparência?

O que se vê atualmente é que as mulheres estão muito criativas em relação ao modo de se vestir no dia a dia empresarial. Aliando elegância e até uma sensualidade sem abrir mão da seriedade que o ambiente pede, é possível montar looks bem estilosos.

De acordo com pesquisa realizada pela empresa de recrutamento OfficeTeam, a maior parte dos executivos acredita na influência da roupa usada nas chances de o profissional ser promovido. A dica para quem quer uma recolocação ou almeja cargos superiores é apostar em peças que passem uma mensagem condizente ao local de trabalho, mas que fale um pouco sobre si, mostrando personalidade.

Para os dias mais quentes, a saia lápis é uma opção excelente à calça. Clássica e elegante, ela pode ser usada com uma tshirt para os ambientes mais descolados ou uma camisa social para os mais sérios, ou durante uma reunião. Os shorts de alfaitaria são menos despojados que os jeans, mas só devem ser usados em empresas que não sejam tão rigorosas nesse quesito.

catalogo_Cleo_AW_16.indd

catalogo_Cleo_AW_16.indd

Os decotes não estão proibidos, desde que seja respeitado o seu tamanho. Os profundos, na frente ou nas costas, devem ficar para as produções de balada. Na empresa, opte pelos mais comportados ou use uma camiseta básica por baixo dos mais ousados. Um maxi colar também ajuda a deixar o corpo menos à mostra.

catalogo_Cleo_AW_16.inddcatalogo_Cleo_AW_16.indd

Já para quem quer apostar nas transparências, a dica é que ela esteja em lugares que chamem menos atenção, como ombros e braços. Aplicações de renda ajudam na proposta e ainda reforçam a elegância da peça.

catalogo_Cleo_AW_16.indd

catalogo_Cleo_AW_16.indd

Reduzir o número de itens a serem levados dentro da bolsa é uma meta que quase todas nós, mulheres, criamos algum dia. O problema é que o medo de ficar na mão em uma emergência faz com o que a gente coloque muitas coisas – que às vezes nem são usadas – na necessarie, sem respeitar o objetivo básico dessa bolsinha, que é o de carregar apenas o indispensável.

É claro que cada pessoa tem as suas necessidades, o que torna impossível a criação de uma regra, mas existem algumas dicas que são preciosas para a maioria das mulheres se virarem no dia a dia.

necessaire1

MAQUIAGEM

Corretivo, base (ou BB Cream) e pó – carregue sempre os que são do tom da sua pele, mas não se esqueça de trocar quando chegar da praia, por exemplo, e estiver mais morena.

Rímel – levanta qualquer olhar em segundos. Para quem não precisa de muito volume, vale apostar no incolor, que ainda ajuda a manter a sobrancelha no lugar.

Lápis – o item também exerce a função de delineador, opte por ele e economize espaço.

Protetor solar / hidratante  – não basta apenas passar o produto pela manhã, é preciso reaplicar durante o dia e, por isso, vale carregar uma embalagem menor.

Reparados de pontas / elástico de cabelo  – para aqueles dias de bad hair day, nada melhor que um produto para tirar o frizz e um prendedor.

Blush – para dar aquele ar saudável antes de entrar em uma reunião, ou naquela esticadinha após trabalho.

Batom – duas opções: um intensa, como vermelho, e um nude. Não tem erro.

HIGIENE PESSOAL

Absorvente – sempre salva (você ou uma amiga) em uma emergência.

Escova / pasta de dentes / fio dental – existem versões pequenas, ideais para colocar na bolsa.

Lenços umedecidos – são multifunção e atualmente existem embalagens muito compactas, com dez unidades.

Cotonete / algodão – deve ser levado em saquinhos de chup-chup, para não sujar.

OUTROS

Pinça – só nós sabemos o quanto um pelinho fora do lugar na sobrancelha incomoda e até atrapalha a maquiagem.

Lixa de unha – naquele dia que a unha decide quebrar ou para quando você está com tempo ocioso e quer aproveitar para melhorar a aparência das mãos.

Pomada tipo Bepantol – ajuda naqueles dias que a pele está sensível, que o lábio está rachado e até quando falta um hidratante potente.

Remédios – pelo menos um para cólica e outro para dor de cabeça são indispensáveis.

É importante fazer suas próprias adaptações, levando em consideração o tamanho da sua bolsa e dos itens que você costuma usar todos os dias. Para não carregar peso sem necessidade, lembre-se que essa seleção deve ser feita com base na sua rotina.

O olhar vintage da moda propõe produções femininas com golas marcantes em destaque. Sejam altas, rulês, laços ou assimétricas elas se tornaram protagonistas dos looks da temporada de inverno 2016. Para a estação, um detalhe chama atenção: elas também podem ser usadas como acessórios à parte. Veja a nossa seleção de peças que não podem faltar no seu closet:

Rolê

Com clima esportivo e herança dos anos 60, propõem uma silhueta esquia e elegante.

Laço

catalogo_Cleo_AW_16.indd

As camisas com gola laço, conhecidas também como “pussybowblouse”, invadiram o guarda-roupa das mulheres. Forte referência aos anos de 70, a gola pode ser usada com um semilaço, um laçarote pomposo, um nó ou simplesmente solta.

Alta

Os vestidos com golas altas e mangas compridas são ideais para balancear as produções de festas que,muitas vezes,pedem transparências e comprimentos curtos.

Assimétrica

catalogo_Cleo_AW_16.indd

O decote assimétrico se confunde com as extremidades da gola, formando uma produção moderna e sofisticada.

Acessório

Adotada como um recurso de styling, a gola deixa de ser apenas uma parte da camisa e ganha espaço para compor looks mais descolados. Por ser independente do restante da produção, é possível dar cara nova para a roupa toda vez que você usá-la.

Apesar de serem ignorados por muitos de nós na correria do dia a dia, os rótulos dos alimentos industrializados são a nossa única fonte de informações sobre o que contém dentro de cada embalagem. São neles que as empresas colocam os ingredientes utilizados em cada produto, data de validade, formas de consumo e tabela nutricional.

 Mesmo tendo que seguir regras impostas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), os fabricantes conseguem driblar algumas questões e, por isso, é preciso que fiquemos atentos, pois a fiscalização é precária, tornando fácil nos enganar por determinados atrativos.

Veja quais são as principais ciladas das embalagens e reforce a atenção nesses itens na próxima visita ao mercado:

 SUCOS: para ser chamada assim, a bebida deve conter 100% da fruta, de acordo com a lei. Já para o néctar, a composição precisa conter um percentual mínimo de frutas ou polpa, que varia de acordo com o sabor.

 DIET / LIGHT: produtos lights precisam ter uma redução de 25% no valor calórico ou na quantidade de algum item, como gordura ou sódio. Para ser diet, a exigência é que não tenham adição de algum produto, como açúcar, glúten ou gorduras.

 INTEGRAIS: para serem denominados integrais, os produtos precisam ter a farinha de grãos como primeiro elemento, e não a “enriquecida com ferro e ácido fólico”, que parece muito nutritiva, mas se trata do apelido da temida farinha branca.

 5277b8ec0a1952e1899fe75c2ae17d0d

Vale lembrar também que, por exigência da Anvisa, a lista de ingredientes deve ser disponibilizada em ordem decrescente, ou seja, o primeiro é aquele que aparece em maior quantidade. Sendo assim, caso o açúcar (sacarose, maltose, glucose…) ou as gorduras estejam em maior quantidade, trata-se de um produto a ser evitado.

Com uma análise cuidadosa das informações e um olhar mais crítico (sem se deixar seduzir pela propaganda feita nas embalagens), é possível cair menos nas pegadinhas e se alimentar muito melhor. O organismo agradece!

A festa acabou! Os dias de folia, consumo de bebida alcoólica e alterações na rotina do sono durante o Carnaval acabam  causando uma espécie de “ressaca” no organismo, que precisa se recuperar. Uma boa dica é se hidratar muito, preferir alimentos leves como legumes, frutas e verduras e dormir adequadamente até que o corpo volte à normalidade.

Quem quer fazer mais pelo funcionamento corporal, pode consumir alimentos que tenham função detox. Eles auxiliam na limpeza do organismo, fazendo uma verdadeira faxina interna e ajudando a eliminar as substâncias que não fazem bem, como o álcool.

Veja uma lista do que você deve ingerir para se recuperar. Fazer sucos misturando alguns deles, de acordo com a sua preferência, é uma excelente ideia de consumo:

healthy-lunch-meal-fruits

Frutas:

Escolha opções que são diuréticas, que tenham ação antiácida e fibras. As melhores são o abacaxi, a melancia, a maçã, a laranja e o limão.

Fibras:

Alimentos integrais ajudam no funcionamento do intestino e são indicados para a fase detox. São eles: biscoitos, pães e arroz integrais, aveia, linhaça e cevada. O gengibre deve ser inserido nas receitas para torná-las ainda mais desintoxicantes.

Líquidos:

A água e a água de coco devem ser consumidas em grandes quantidades para repor a hidratação perdida no agito da folia. O chá verde também é poderoso e pode ser incluído na rotina.

Brássicas (vegetais):

Os vegetais que fazem parte desse grupo (agrião, brócolis, couve-chinesa, couve folha, couve-flor, mostarda, nabo, rabanete, repolho e rúcula), ajudam muito na eliminação das toxinas corporais.

Oleaginosas (castanhas):

Esses alimentos são ótimos para a saúde e ricos em vitamina E, ômega-3, cálcio, magnésio, zinco, selênio, cobre e manganês. As opções são variadas: castanha do Pará, amêndoas, avelãs ou nozes. Apenas tome cuidado com o excesso.

Especialistas afirmam que os resultados podem demorar até uma semana para aparecer, dependendo de como foi o ritmo de cada pessoa durante a folia.

Quando escolhemos uma blusa mais simples e não queremos ser básicos, recorremos aos acessórios para dar um arremate ao look. O problema é que nem sempre é fácil eleger que tipo de colar usar para cada decote do top. A ideia principal que se deve ter em mente é que a bijoux serve como complemento, então ele deve seguir, de alguma forma, a forma da blusa (ou do vestido). Veja como não errar na escolha:

redondo

Redondo: Esse tipo deve ser usado com colares no mesmo formato, preferencialmente que acompanhe o desenho, para que aparente ser um detalhe da própria peça.

quadrado

Quadrado: Opte pelos mais curtos, que se aproximam do pescoço.

Screen-Shot-2015-06-24-at-14.33.43

Fechado: Para as camisas sociais ou outras que não deixam o decote à mostra, a dica é o colar tipo gola, também chamado de necklace.

decoteV

Em V: Use colares compridos e, preferencialmente, que tenham o centro maior, seguindo a proposta do top.

golarule

Gola rulê: Os modelos maiores, com pingente na ponta, são ideais.

golacanoa

Canoa: Escolha gargantilhas finas e delicadas, para que não polua demais a produção. O comprimento vai do estilo pessoal.

tomaraquecaia

Tomara que caia: Peças curtas que emolduram o pescoço caem muito bem. Os chamativos, com pedrarias e correntes são boas pedidas.

Quem gosta de estar com amigos e familiares em casa, sabe a importância de uma mesa bem posta e bonita. Isso vai muito além de um item de decoração, é um carinho para quem chega e uma maneira de mostrar que nos preparamos para receber aquela visita. Mas isso não quer dizer que para arrumar uma mesa seja necessário muito requinte e sofisticação. A dica é acompanhar perfis no Instagram e Pinterest para estar sempre atualizada sobre as tendências e pegar boas dicas.

Mesa-azul-1-Vestido-Valerie-Hammond-e1440288067569 Mesa-turquesa-etnica-1-e1440316524609

Um lugar muito legal para buscar inspirações é o blog Inventado Mesa. Escrito pela stylist Ticha Ribeiro, a página traz muitas orientações de como fazer mesas incríveis. O mais interessante é que, como ela atua há anos no ramo de moda, suas mesas são inspiradas no tema. Para o Natal, há uma seleção bem interessante lá no site, principalmente focada nas cores da data – verde e vermelho.

mesa-turquesa-etnica-inventando-mesa-8 mesa-verde-inventando-mesa-1-e1440287768300

A Ticha vai, inclusive, ministrar alguns workshops para quem quer caprichar nas noites de festa, aprendendo com a mestre algumas dicas e sugestões. A palestra é gratuita e acontece nos dias 10 e 11 e 17 e 18 de dezembro, às 15 horas, no espaço da Boutique Gastrô, piso L2, no Pátio Savassi. Mais informações: 4003-4172.

Dezembro chega sempre acompanhado de vários eventos, não é mesmo? Formaturas, casamentos e confraternizações disputam cada espaço dos nossos finais de semana. Com esse grande número de programas na agenda, fica quase impossível arrumar tempo (e dinheiro) para ir ao salão se produzir para cada um. A dica, nesse caso, é recorrer à “produção independente”, fazendo a própria make.  Selecionamos cinco tutoriais feitos por blogueiras / maquiadoras que entendem muito do assunto e podem tornar a tarefa de se maquiar em casa algo mais simples. Confira:

alicesalazar

Alice Salazar – uma das maquiadoras mais famosas do país, dona de um sotaque inconfundível e precursora no que se refere a tutoriais desse tipo na internet. Alice tem mais de um milhão de inscritos em seu canal do Youtube.  http://bit.ly/1I8SeNr

juliapetit

Petiscos TV – Talvez a mais conhecida entre as blogueiras, Julia Petit tem uma didática muito simples e, de quebra, ainda dá dicas de penteados.  http://bit.ly/1OeHfDr

marinasmith

Marina Smith – “Cria” de Julia Petit, Marina começou na Petiscos, exatamente dando dicas de maquiagem. A jovem atualmente comanda seu próprio blog e, apesar de tratar de vários assuntos, ainda fala muito do tema. http://bit.ly/1Ysm3fY

camilacoelho

Camila Coelho – A brasileira que mora dos Estados Unidos está entre as blogueiras mais influentes do mundo.  Seu canal tem mais de 2 milhões de inscritos e  Camila adora fazer vídeos ensinando makes usadas por famosas.  http://bit.ly/1XcQhq2

julianagoes

Juliana Goes – Com meio milhão de seguidores, a atriz e blogueira dá dicas de produtos e faz diversos tutorias de maquiagem para diferentes ocasiões. http://bit.ly/1XoXRIV